“Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta.” Carl Jung

Para desenvolvermos o processo de autoconhecimento, podemos nos fazer valer de várias técnicas, ferramentas. Nesta oportunidade quero falar um pouco mais sobre o Eneagrama. Uma das técnicas que utilizo nos processos de coaching.

O Eneagrama é um estudo da personalidade de origem Sufi baseado num diagrama de 09 pontas. No mundo moderno, a presença do eneagrama se deve a George Ivanovich Gurdjieff, filósofo armênio que ensinou filosofia do autoconhecimento profundo no começo do século passado.

O Eneagrama possibilita enxergar e sentir as diferentes atitudes que uma pessoa pode ter em um mesmo cenário. O reconhecimento de aspectos antes inconscientes possibilita que os participantes tenham maior autonomia, autoconfiança, se percebam diante do contexto social e melhorem suas relações interpessoais.

No campo da liderança o conceito de autoridade já vem sendo ultrapassado, um líder moderno precisa valorizar as diferenças e potenciais de cada pessoa de sua equipe.

Sua aplicabilidade pode ser a mais variada possível, sendo utilizado em processo de recrutamento e seleção, liderança, processos de coaching e autoconhecimento em geral.

Os perfis são identificados por meio de seus vícios emocionais mais marcantes e característicos, mas é importante mencionarmos que o ideal é que consigamos integrar as competências dos tipos e a partir disso dançarmos entre todos eles, com consciência e estado de presença.

Quer saber mais informações sobre o Eneagrama, entra em contato comigo, vou adorar receber seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *